Área portuária de Vicente de CarvalhoFoi no dia 30 de dezembro de 1953, quando ainda se denominava Itapema, que pelo Decreto de nº 2456 do governador do Estado Professor Lucas Nogueira Garcez,o antigo Itapema foi elevado a condição de Distrito de Guarujá, recebendo o nome de Vicente de Carvalho, desde essa época não parou de crescer e abriga uma população de mais de 166.000 habitantes, mais da metade da população do município , que de acordo com o censo de 2010 era de 290.752 habitantes.
O distrito de Guarujá abriga terminais que são responsáveis por cerca de 60% da movimentação portuária da região e também um dos maiores centros comerciais da Baixada Santista. Além disso, em breve, o distrito, que hospeda um importante patrimônio histórico e cultural da Cidade, o Forte do Itapema, receberá um grande empreendimento turístico: o Aeroporto Civil Metropolitano de Guarujá.
Tem na Avenida Thiago Ferreira , o seu coração comercial, com mais de 500 estabelecimentos e no final desta avenida a Estação das barcas e catraias por onde circulam diariamente cerca de 20 mil pessoas em direção ao Sistema de travessia com destino à Santos do outro lado do estuário. O comércio como um todo abriga 5.532 estabelecimentos comerciais, que atrai clientes de todas as Regiões. Vicente de Carvalho tem também na sua história a presença de um morador ilustre, pois numa casa da rua Minas Gerais residiu Luis Inácio Lula da Silva ex-presidente do Brasil, logo após a sua chegada do Nordeste por volta de 1952.


QUEM FOI VICENTE DE CARVALHO- O POETA DO MAR
Recebeu o nome de Vicente de Carvalho em homenagem ao poeta santista Vicente Augusto de Carvalho, que nasceu em 5 de abril de 1866, em Santos - SP. Com 11 ou 12 anos esteve empregado em uma casa comercial, deixando-a logo depois para matricular-se no curso de preparatórios em São Paulo. Em 1882, obteve a dispensa de idade, matriculando-se no curso de Direito na Faculdade de São Paulo, com 16 anos de idade, e obtendo com 20 anos , o grau de bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais.
Durante sua vida acadêmica foi redator da Idéia e da República, onde só escreveu versos. Em 1885, publicou seu primeiro livro de versos, Ardentias, e em 1888, o Relicário, também de poemas.
Depois de formado voltou a Santos, onde passou a integrar o movimento abolicionista subscrevendo artigos e folhetins de propaganda. Foi diretor do Partido Republicano Municipal em mais de uma oportunidade, sendo a primeira em 1885, com 19 anos de idade. Foi deputado Constituínte Paulista de 1891, sendo nomeado para a comissão de redação da Constuínte do Estado. Foi um dos oito deputados que renuciaram, após a aprovação da proposta de apoio ao golpe de Estado Marechal Deodoro.
Em maio de 1899 redigiu o Diário de Santos e em 1890 fundou o Diário da manhã. Foi um dos fundadores do Liceu Feminino Santista e era membro da Academia Brasileira de Letras e da Academia Paulista de Letras.
Depois de 22 de agosto de 1921, publica Carta Aberta ao Presidente da República, ofertada a Epitácio Pessoa, que resultou na salvação das praias santistas do aforamento por particulares, tornado-se assim, patrimônio público.
Além de poeta, foi também jornalista, advogado, juíz, secretário de Estado,deputado e ministro do Tribunal de Justiça, do Estado. Deixou boa obra literária, inclusive o seu Poemas e Canções, um dos mais vendidos, Páginas Soltas, Relicário e Rosa, Rosa do Amor. deixou ainda uma peça teatral. Gostava de pescar e perdeu uma das mãos em acidente com um anzol.
Faleceu em Santos no dia 22 de abril de 1924, deixando obras editadas e inéditas.

Fonte: Poliantéia Santista - Fernando Martins Lichti


TRADIÇÕES E COSTUMES
O Distrito apresenta uma diversidade cultural , com forte presença de nordestinos, catarinenses e libaneses que se instalaram no comércio, tem presença marcante de estrangeiros devido ao Porto de Conceiçãozinha. Outro ponto importante do Distrito é o Farol de Itapema, que se encontra em total abandono, perdendo a cidade a oportunidade de preservar um importante marco de sua história.
Já faz parte da Cultura de Vicente de Carvalho, a Feira do Rolo que acontece aos domingos na Rua Joana de Menezes Faro onde podemos encontrar as peças mais curiosas e exóticas possíveis , ideal para colecionadores.
Durante muitos anos funcionou ali o CAPTAIN SHACK, um bar típico do velho Itapema onde o visitante saboreando uma culinária típica ia conhecendo aspectos da Cultura e memória  de Vicente de Carvalho sem ter que andar muito, posteriormente o CAPTAIN SHACK, um bar frequentado por intelectuais, jornalistas,artistas, politicos, e tripulantes de navios, transferiu-se para o centro do Guarujá a rua Quintino Bocaiuva 534, sob o comando do Capitão cujo nome verdadeiro é Jessé de Oliveira Rolim que fundou o CAPTAIN SHACK, tornando-se uma referência na história e cultura de Guarujá e Vicente de carvalho. Porém há alguns anos o Captain Shack encerrou suas atividades, perdendo a cidade uma importante referência histórica.

FONTE:Texto adaptado de matéria publicado em À TRIBUNA /Santos 30/12/99, produzido por Júlio César D'Iesposti da sucursal.(acrescido de mais informações de outras fontes).


COMEMORAÇÕES
No dia 6 de abril a comunidade de Vicente de Carvalho comemora o seu dia com extensa programação que inclui colocação de flores no busto do poeta e atividades culturais na Praça 14 Bis. Essa homenagem foi instituída há 26 anos , por meio de Lei Municipal 01374.
Vicente de carvalho hoje com mais de 166 mil habitantes é responsável por mais da metade dos recursos arrecadados pela Prefeitura em imposto sobre serviços(ISS). Isto é resultado das atividades desenvolvidas em Terminais de Conteineres e de Fertilizantes, gerando quase 5 mil empregos diretos e indiretos e um comércio que é considerado um dos mais fortes da região, com a perspectiva de instalação do Aeroporto Civil Metropolitano na Base Aérea de Santos que situa-se em Vicente de Carvalho, levando novo impulso a região.

Fragmentos da História
Em 27 de março de 1959, com qinze dias de antecedência, eram instalados em Vicente de Carvalho(ex-Itapema), Distrito de Guarujá, vários telefones e a rede tinha capacidade para instalar mais cem. O Sr. Francisco A. Gemenes, subprefeito de Vicente de Carvalho, falou sobre o significado do melhoramento, destacando a capacidade da empresa que fez o serviço.
Fonte 1: A Tribuna de Santos em 27 de março de 1959

Fragmentos da História
Casamento na família Pirani - 25 de janeiro de 1964: Seria realizado, na Igreja de Nossa Sra. das Graças, em Vicente de Carvalho, o casamento de Ari Pirani, filho do casal Antônio e Martinha Pirani, com a senhorita Jane D. Lacerda, filha do casal Francisco e Peddrina S. Lacerda. Fonte: Coluna A Tribuna nos anos 60 de Hamleto Rosato, publicada em 25 de janeiro de 2005
https://www.facebook.com/saudoso.itapema.1?fref=ts


http://www.guaruja1.xpg.com.br